A importância do MCTI

mcti_inma

A importância do MCTI

O destino do desenvolvimento de um país é definido por sua capacidade de criar e conhecer. O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) vinha representando essa visão em que produção, acumulação e difusão de conhecimento científico e tecnológico são os motores do desenvolvimento. O MCTI vinha atuando na promoção da inovação, na constituição de infraestrutura científica e tecnológica e na capacitação de recursos humanos. Esses mecanismos e as iniciativas de democratização do conhecimento constituem os pilares de uma sociedade aberta, que pode se fortalecer no século XXI. Hoje, um país desenvolvido é aquele que constrói o seu saber.

O sucesso da comunidade científica diante da crise do vírus zika, a implantação e o amadurecimento de programas de combate a diversas enfermidades, como a AIDS, o surgimento de alternativas de produção agrícola, entre outras iniciativas, mostram que a ciência e a tecnologia têm atuado de forma articulada com a sociedade e suas necessidades, anunciando que os recursos direcionados para a área têm retorno seguro para a população brasileira.

O Ministério das Comunicações tem atribuições de garantia de acesso e regulação que não possuem nenhuma conexão com o campo da ciência e tecnologia, sendo a fusão proposta uma desqualificação das políticas de ciência, tecnologia e inovação para o desenvolvimento do país.

A extinção do MCTI põe em risco o sucesso que obtivemos nessa área até o momento. Afasta o país de uma visão em que o sistema de inovação e produção de conhecimento, relacionado ao desenvolvimento de novas tecnologias, produtos e serviços, deve ser prioridade. Aproxima o país do atraso e da escuridão.

Fazem parte desta frente — que conta com o apoio da Adufrj — contra a extinção do MCTI os professores: Luiz Bevilacqua (Coppe), Débora Foguel (IBqM), Jerson Lima Silva (IBqM), Luiz Pinguelli Rosa (Coppe), José Eduardo Cassiolato (Economia) e Ildeu de Castro Moreira (Instituto de Física).

Fonte:http://www.adufrj.org.br/mcti/index.php/2016/05/20/ola-mundo/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *